30 maio 2013

Eu sempre estive aqui para você! Eu sempre te amei, mas é difícil amar sem ser correspondido.



Quando eu estou com você meu mundo parece feliz. Muito feliz! Cada dia eu levantava por sua causa, eu não tinha outros motivos, apenas você. Sim. Eu te amava, mais do que você pode imaginar. Sabe aquelas piadas sem graça que ninguém ria apenas eu? Então aquilo era a forma que eu demonstrava meu amor por você. Sabe aquelas dias que você estava se sentindo mal? Você descontava toda sua raiva em mim, mesmo eu não tendo nada a ver. Eu sabia que aquela fase iria passar e no final tudo iria passar, iria melhorar.

Todos os dias eu me olhava no espelho e falava: Será que ele irá gostar de mim? Será que ele já gosta? Eu me enchia de esperanças, esperanças falsas! Eu esperava mais de mim, dessa história. Todas ás vezes que você fazia aquelas piadas sem graça comigo, eu aguentava (mesmo não gostando de brincadeiras), eu realmente te amava, por que você nunca reparou?

Naquele dia eu iria me declarar, sim eu iria. Mesmo tendo o não, eu continuei, recusei aceitá-lo. Isso doía! É horrível quando não se é boa o suficiente para conseguir fazer algo. Eu continuei te amando por muito tempo. Eu tentei várias vezes ser melhor para você. Hoje eu percebo que é melhor desistir. Você nunca vai me amar, eu sei que não.

Eu sempre estive aqui para você! Eu sempre te amei, mas é difícil amar sem ser correspondido.

Algumas pessoas me perguntaram: ´Por que você criou o blog? Ta aí a resposta! Amor, ou melhor amor não correspondido. Eu tentei várias vezes ser melhor para a pessoa que eu amava, mas não infelizmente não deu certo. Eu desisti. Eu nunca postei (já era para eu ter explicado o motivo da criação do blog a muito tempo). Eu não levei um fora, eu levei vários foras! Pra quem olhou ali na sidebar eu tenho 13 anos, aí sempre tem aquelas pessoas que dizem: "Tá nova! Sabe nem o que é o amor direito".  Se nem sabendo o que é, já estou odiando, eu não quero nem saber!
Postado por Mayara Vianar às 18:59

4 comentários:

Oi flor, que texto profundo. Creio que paixões todo mundo tem e desamores, foras e tudo mais é normal. Se o ser humano for acostumado ter tudo na vida ele simplesmente fica mais idiota e terrível do que já é.
Eu tinha todos os motivos do mundo para odiar o amor, e confesso que odiei ele bastante, evitei o quanto foi preciso, achava graça e dava meus pêsames pra quem amava. Até chegar em um ponto onde tudo perdeu sentindo. Até os melhores amigos perderam sentindo. A vida parecia vazia e sem cor, tudo começou a dar errado, eu descontei a minha angustia em outras pessoas, achava que usava algumas pessoas, mas a verdade, é que, fui usada e abusada. Sabe o que eu descobri com tanto sofrimento ... Que o AMOR e amar alguém é uma das melhores coisas da vida. Acredito piamente no amor, sou romântica assumida! E digo sempre, pra todo mundo. Não desista do amor! Ele chega até você mesmo que demore, mas o Senhor do tempo saber a hora exata de dá a recompensa.

"Um dia alguém entrará em sua vida e te fará entender por que nunca deu certo com ninguém antes."

PS.: Escrevi muito, desculpa! hehe

Beijos de luz:** Aproveite a vida, ela é bela apesar do caos.

http://cheirodeflormanaus.blogspot.com.br/
Lindas palavras!
Eu quero desistir, mas percebo que o amor é uma parte de mim. :D
No final, eu amo me apaixonar e ficar meia boba. (sabe?).
Indiquei voce para um selinho lá no meu blog, espero que goste!!

http://pipocacarolmelada.blogspot.com.br/2013/06/segundo-selo.html

beijos!
Muito lindo seu texto, amo ler coisas profundas assim!
Não, não tem nada pior do que amar alguém que não ta nem aí pra vc! É terrível, mas ainda bem que tudo passa e um dia quando olhamos para trás, rimos por saber que tudo que aconteceu é porque tinha mesmo que acontecer.
Beijos
(www.blogdagisele.com)

Postar um comentário